[ editar artigo]

Day Trade: Gestão de Risco

Day Trade: Gestão de Risco

Hoje vamos falar sobre gestão de risco. Muitos traders entram no mercado com a falsa ilusão que do dia para noite tornarão-se ricos. Desejam desesperadamente algo para alavancar seu dinheiro e consequentemente acabam perdendo-o todo.

Mas afinal o que é risco? Risco é a probabilidade do insucesso, em função de determinados acontecimentos imprevisíveis. Todos sabemos que o mercado é imprevisível e soberano e temos que entender que investir em renda variável, é um investimento de risco.

Investir significa abrir mão de algo no presente, para conseguir algo a mais no futuro, e todo investimento de renda variável é com certeza maior do que qualquer outro investimento de renda fixa, haja visto que os seus ganhos podem ser muito maiores (consequentemente suas perdas também).

Vamos supor que você trader, acabou de entrar no mercado financeiro. Seu aporte inicial, ou seja, seu capital inicial que irá começar no mercado é R$1.000,00 (mil reais). Você logo quer fazer este dinheiro subir para R$2.000,00, R$3.000,00 e assim por diante, certo? Isso é possível? Perfeitamente, mas desde que siga um plano de gestão de capital.

Com estes mesmos R$1.000,00, digamos que você faça R$10,00 (dez) reais por dia. Estaria feliz? Não? Por quê? Achou pouco? Ora, você acabou de fazer 1% do seu capital!!! Sabe quanto tempo você demoraria para fazer isso na poupança? Em torno de 3 meses! Então pare de pensar em termos financeiros e comece a pensar um pouco em termos percentuais. Um lucro de R$10,00 reais por dia, significaria 1% do seu capital por dia, ao longo de um mês de dias úteis daria em torno de 22%, realmente achou pouco? Claro que nós traders, sempre consideramos que é praticamente impossível ganhar todos dias, portanto uma conta básica que podemos fazer é que, caso você seja consistente, ganhará por volta de 10 dias, e os outros 12 dias tornar-se-ão loss e gains que podemos dizer que fechará no breakeven (fechará no 0).

Planeje suas metas, foque seus objetivos, pois entrar no mercado sem ter a clareza do que você quer e quanto pode perder, é praticamente um suicídio mascarado.


Alavancagem Como Funciona?

Vamos falar um pouco sobre alavancagem. Alavancagem é você utilizar um capital maior contendo apenas o que você tem. Vamos tomar como exemplo, uma corretora cuja margem para operar mini-contratos de índice seja apenas R$50,00 reais. 

Fazendo uma conta simples, seus R$1.000,00 reais que possuem na corretora, poderiam operar até 20 contratos de mini. Isso é ótimo pois com "pouco" dinheiro conseguimos operar um montante, certo? Certo, mas abra os olhos. Quanto maior alavancagem utilizar, mais chances de você perder seu dinheiro, visto que o loss também será maior. Se pensarmos em questão de porcentagem novamente, e caso entremos em alguma operação de mini com estes mesmos 20 contratos, apenas 1 tick de movimentação do ativo, significaria um valor de R$20,00 reais, ou seja, 2% do seu capital por oscilação mínima do ativo. Caso você defina 100 pontos de loss no mini índice, que não é nada anormal de se ver, muito pelo contrário, é bem conservador 100 pontos, representaria uma perca de capital de R$400,00 reais. Lá se vai 40% do seu capital. Por isso precisamos pensar em questões de % no mercado.

O aventureiro trader que já possui a mínima experiência de mercado, se assusta com as alavancagens de outros mercado, como o Forex (um mercado baseado em pares de moeda) por exemplo, onde muitas corretoras anunciam alavancagens de 1:400. (1:400 significa que seus mesmos R$1.000,00 reais podem representar um capital de R$400.000,00 (quatrocentos) mil reais para operar. Vale ressaltar que no mercado estrangeiro é mais comum vermos dólares, mas no exemplo vamos utilizar reais). Assustador, certo? Mas você já parou para pensar quanto de alavancagem corretoras brasileiras utilizam? Não? Vamos às contas:

Quanto precisaríamos ter de capital SEM UTILIZAR ALAVANCAGEM para operar 1 mini contrato de índice? Fácil de saber, quantos pontos está o mini hoje? Vamos supor que esteja na casa dos 89.000 pontos. Cada ponto do mini vale 0,20 centavos, portanto faremos 89.000 x 0,20 que dará 17.800, ou seja, você precisaria de R$17.800,00 reais para operar 1 único contrato de mini sem usar alavancagem. Então quanto isso representa nas corretoras brasileiras? No exemplo lá em cima do post, dissemos que a corretora X peça apenas R$50,00 reais para liberar um mini para operarmos certo? Ora, 17.800/50, chegamos a nossa alavancagem de 1:356. Tão alta quanto a de Forex. Façam as contas para as diversas corretoras e saibam quanto estão alavancando seu dinheiro, e lembrem-se que quanto maior alavancado, maior os resultados de ganhos ou de perda.


Incrível como o trader iniciante (e até os mais avançados) não prestam atenção neste tipo de detalhe, que é fundamental para analisar um plano objetivo de crescimento de patrimônio. Parem, pensem, botem tudo no papel e sigam a risca o plano de vocês.

Espero que leiam com atenção e re-leiam o post quantas vezes forem necessária. Dúvidas ou perguntas podem escrever aqui que responderei com todo prazer. Logo mais crio mais posts sobre gestão de risco e como objetivar metas.

Um grande abraço a todos.

Virei Trader - Comunidade de Day Trade
Ler matéria completa
Indicados para você